Pular para o conteúdo
  • Publicada em 13/01/2020
  • v2018616
  • Mais de 200 pessoas se candidataram.

Jovem Aprendiz - Recursos Humanos

Instituto de Desenvolvimento e Gestão - IDG

  • Auxiliar/ Operacional
Que pena, esta vaga está indisponível. As inscrições estão encerradas.
  • Ícone de salário
    Salário a combinar
  • Ícone de localização
    Rio de Janeiro

O IDG tem um compromisso com a igualdade de oportunidades e diversidade.

Esta vaga é direcionada para todas as pessoas que se identificam com a proposta da função, atendem os pré-requisitos e demonstram aptidão para desempenhá-la.

 

Atividades da Função:

- Acompanha e dá apoio em diferentes frentes de atuação da área de Recursos Humanos, tais como:

Ações de comunicação interna, processos seletivos, processos admissionais, ponto eletrônico, administração de pessoal e gestão de arquivos.

 

Formação: Cursando e ou recém-formado no Ensino Médio.

  

Desejável: conhecimento das ferramentas do Pacote Office (Word, Power Point e Excel) nível intermediário.

 

* Fica reservado ao IDG (Instituto de Desenvolvimento e Gestão) o direito de confirmar ou não a realização destas contratações, de acordo com sua necessidade ou conveniência.

 

Benefícios
  • Assistência médica
  • Assistência odontológica
  • Convênio com empresas parceiras
  • Vale alimentação
  • Vale-transporte

Lnv548138393921211826

Instituto de Desenvolvimento e Gestão (IDG) é uma organização sem fins lucrativos especializada em gerir centros culturais públicos de grande importância para o país e programas ambientais.


Atualmente, faz a gestão do Museu do Amanhã, no Rio; do Paço do Frevo e do programa educativo do Teatro Santa Isabel, ambos em Recife. O Instituto já foi responsável pela gestão do Cais do Sertão (Recife) e pelas Bibliotecas Parque (Rio de Janeiro).


O trabalho do IDG para o Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro, trouxe para a instituição, em 2018, o prêmio internacional de "Melhor Instituição Cultural para a Promoção do Soft Power" na cerimônia do Leading Culture Destinations Awards, considerada o 'Oscar' dos museus, em Londres. No Paço do Frevo, o IDG liderou o processo de salvaguarda da memória do frevo, registrando acervos até então imateriais da cultura pernambucana em livros e imagens.


Em sua vertente ambiental, o IDG realiza a gestão operacional dos projetos advindos do Mecanismo de Conservação da Biodiversidade do Estado do Rio de Janeiro, denominado Fundo da Mata Atlântica - FMA. A partir do Acordo de Cooperação Técnica com a Secretaria de Estado do Ambiente (SEA), o IDG Ambiental assume a responsabilidade de estruturar e administrar os recursos depositados no fundo.


O IDG também foi responsável pelo desenvolvimento, implantação e gestão dos Parques Urbanos Santana e Macaxeira em Recife, fomentando a conservação de áreas verdes nas cidades e conscientizando os públicos frequentadores sobre a importância da preservação da biodiversidade local.


Na área de patrimônio histórico, o IDG é responsável pelo projeto que desenvolve ações de conservação e consolidação do sítio arqueológico do Cais do Valongo, na região portuária do Rio de Janeiro, considerado Patrimônio Mundial da UNESCO, em 2017, por ser o único vestígio material do desembarque de cerca de 1 milhão de africanos escravizados nas Américas.


 


Nossa missão:


Desenvolver o potencial de pessoas e organizações por meio das artes, da cultura e do meio ambiente, tendo na gestão nosso principal instrumento de realização.


Nossa visão:


Pessoas maravilhadas pela cultura e pela natureza


Nossos valores:


Alegria, Colaboração, Criatividade e Respeito.