Home > Busca de emprego > Direitos trabalhistas > Trabalho formal ou informal? Conheça benefícios e desvantagens

Trabalho formal ou informal? Conheça benefícios e desvantagens

Entenda as principais diferenças entre as duas formas de trabalhar

Muitas pessoas se perguntam se vale mais a pena ter um trabalho formal ou informal. É possível que você também já tenha levantado essa dúvida. Neste post, vamos esclarecer a diferença que existe entre as duas formas de trabalho e também as vantagens e desvantagens de cada uma. 

Qual é a diferença entre trabalho formal e informal?

A diferença básica entre trabalho formal e informal é que o trabalho formal tem contrato de trabalho e registro na Carteira Profissional. Ele segue determinadas regras de acordo com a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). 

O trabalho informal, por outro lado, como o próprio nome indica, não tem formalidades, ou seja, não tem registro em carteira e também não tem contrato. 

Conheça os benefícios de trabalhar formal ou informalmente 

Quem trabalha informalmente não tem descontos no salário, mas também não tem garantias e nem pode contar com o INSS para o caso de doença, por exemplo. Já quem trabalha formalmente tem essas garantias, além de FGTS, férias e direito ao 13° salários. Confira a seguir mais detalhes sobre as vantagens e desvantagens de cada modalidade. 

Vantagens do trabalho formal

Uma das principais vantagens do trabalho formal é poder contar com a proteção das leis trabalhistas como auxílio doença, salário maternidade, FGTS, férias, 13° salário, aposentadoria, seguro desemprego, entre outros. 

Além disso, as empresas costumam garantir aos seus empregados benefícios importantes como auxílio alimentação e transporte, plano de saúde, plano odontológico, entre outros.

Outra vantagem do trabalho formal é a estabilidade financeira. Quando você é empregado de uma empresa pode contar com seu salário todos os meses. 

O trabalho formal também costuma ter um horário fixo de trabalho, o que você pode considerar como vantagem ou desvantagem dependendo do seu perfil profissional. 

Vantagens do trabalho informal

No trabalho informal, o profissional não tem descontos em seu salário. Ou seja, ele recebe integralmente o valor combinado pelo serviço. Não tem desconto de Imposto de Renda e nem de INSS, por exemplo. 

Além disso, o trabalhador informal costuma ter mais liberdade de horários e flexibilidade. O trabalho informal também é uma alternativa para pessoas que estão desempregadas conseguirem alguma renda sem depender da geração de emprego nas empresas. 

Quais são as desvantagens de ser um trabalhador informal?

As principais desvantagens de trabalhar informalmente são instabilidade financeira e ausência de garantias previstas na CLT. 

Isso porque, nesta modalidade, o profissional não tem um salário mensal garantido. Além disso, ele não está amparado pelas leis trabalhistas. Ou seja, não tem direito a FGTS, férias e 13° salário. Além disso, se não fizer regularmente sua contribuição como autônomo ao INSS, também não terá direito a auxílio doença, salário maternidade, aposentadoria e seguro desemprego, entre outros. 

Trabalho formal e informal: qual é o melhor tipo para você?

Em geral, o melhor tipo de trabalho é aquele que garante benefícios e direitos ao empregado. Ou seja, o trabalho formal costuma ser a melhor opção para quem quer se desenvolver na carreira e, ao mesmo tempo, contar com o amparo das leis trabalhistas em caso de desemprego, doenças, acidentes ou até na hora de parar de trabalhar e se aposentar.

No entanto, essa resposta depende muito do que é mais importante para você no seu atual momento de vida. Você precisa trabalhar a qualquer custo porque não tem uma reserva financeira? Está procurando emprego, mas continua desempregado há muito tempo? Talvez, por esse motivo, você não tenha opção e tenha de aceitar um trabalho informal neste momento. O importante, no entanto, é não deixar de buscar o emprego ideal para você. Atualize seu currículo, faça cursos online gratuitos. Fique preparado porque uma hora o emprego que você quer vai aparecer.

Por outro lado, se você pensa em aceitar a informalidade apenas para não ter descontos no seu salário, faça as contas com todo cuidado para entender se essa é de fato uma vantagem – agora e também no futuro. 

Avalie tudo o que você pode estar perdendo ao abrir mão de um emprego com carteira assinada. Esperamos que não seja o caso, mas você nunca sabe se um dia vai precisar de uma auxílio doença, por exemplo. 

Antes de aceitar qualquer trabalho – seja ele formal ou informal – nossa dica é que você avalie as condições oferecidas e também as suas alternativas no momento. 

Esperamos que este post tenha esclarecido os principais pontos sobre as duas formas de trabalho, mas a decisão é sempre sua. 🙂

Cadastre seu currículo no VAGAS.com.br e aproveite inúmeras oportunidades de emprego. Se você já tem um cadastro, atualize-o aqui.