Home > Busca de emprego > Candidaturas > Trabalhar em startup: dicas para conseguir emprego

Trabalhar em startup: dicas para conseguir emprego

Veja como se preparar para disputar uma vaga em empresas inovadoras, flexíveis e informais
Equipe trabalha animada em startup

Trabalhar em startup é o sonho de muitos profissionais que gostam de empresas modernas, com ambiente informal, em que não existem tantas hierarquias. Nas startups, normalmente as pessoas trabalham com mais autonomia, podem contribuir com ideias, participar mais ativamente de decisões, além de ter flexibilidade de horários e local de trabalho.

O que é startup?

Startup é uma empresa nova que não se encaixa no modelo tradicional das empresas principalmente por terem um modelo de negócio inovador, com potencial de transformar o segmento em que atuam. 

Startups também costumam ter produtos ou serviços escaláveis para atingir um grande número de clientes de forma rápida.

Como funciona uma startup?

Startups podem atuar de várias formas. Na maioria dos casos, elas são divididas em nichos de atuação.

Alguns dos principais nichos são:

  • Fintechs, que atuam no mercado financeiro;
  • Healthtechs, que atuam em medicina e saúde;
  • Edtechs, que atuam em educação;
  • Lawtechs ou Legaltechs, que atuam em direito;
  • Adtechs, que atuam em anúncios e publicidade; e
  • Agritechs, que atuam no agronegócio.

As startups também podem ser divididas entre tipos de negócios. Elas podem atuar em B2B (que atendem outras empresas e não o consumidor final), B2C (que atendem os consumidores diretamente) e B2B2C (quando se conectam com outras empresas para atender o consumidor final). 

Startups brasileiras de sucesso 

As startups que obtêm bastante sucesso são consideradas “unicórnios”. Para ser um “unicórnio” a startup precisa ser avaliada em mais de um bilhão de dólares antes de abrir seu capital em bolsas de valores, ou seja, antes de fazer o IPO (Initial Public Offering).

Algumas startups brasileiras de sucesso são Stone, Loft, Resultados Digitais e Creditas.

A Stone é uma fintech fundada em 2012 no Rio de Janeiro que atua em meios de pagamentos por intermédio de máquinas de cartões, processadoras de transações realizadas por cartões de crédito, débito e voucher.

Outro exemplo, que está bastante em evidência neste ano, é a Loft, startup de compra e venda de imóveis que se tornou unicórnio com apenas 16 meses de operação.

A Resultados Digitais, fundada em 2010, em Florianópolis, oferece uma plataforma de gerenciamento e automatização das ações de marketing digital. 

Creditas também é uma fintech brasileira que desenvolveu uma plataforma online de crédito com garantia, fundada em 2012 pelo espanhol Sergio Furio. 

Como trabalhar em startup: dicas para conseguir emprego

Para conseguir emprego em uma startup você precisa demonstrar que tem iniciativa e autonomia para trabalhar sem uma supervisão direta. Precisa também ser responsável pelas suas entregas e pelo seu resultado. Outra característica importante é a capacidade de nunca parar de aprender, buscando conhecimento também de forma autônoma. Confira alguns passos importantes para conquistar uma vaga em startup. 

Estude sobre a empresa

Startups, como são empresas relativamente novas, nem sempre são totalmente conhecidas. Portanto, se você quiser trabalhar em uma delas, deve mais do que nunca fazer a lição de casa e buscar toda informação possível sobre o que ela faz, quando foi criada, quem criou, quanto investimento ele já recebeu, quais seus planos, principais clientes etc. 

Também é importante entender a cultura, a missão e os valores da startup. 

Lembre-se de que não estamos falando de empresas tradicionais. Por isso, se você não pesquisar tudo isso com antecedência, pode se perder se tiver que responder perguntas sobre a empresa ou sobre como você pode fazer a diferença lá. 

Tenha uma atitude positiva

Startups em geral procuram pessoas com “brilho nos olhos”, ou seja, que estejam dispostas a trabalhar com paixão por acreditar na missão daquela empresa.

Portanto, quando você tiver contato com uma empresa desse tipo, precisa deixar transparecer sua motivação e sua disposição para trabalhar intensamente e alcançar os melhores resultados. 

Vale destacar que embora startups tenham ambientes descontraídos e flexibilidade de horários e funções, seus profissionais costumam trabalhar muitas horas por dia, sempre com foco nos objetivos do negócio. 

Não costuma ser o tipo de empresa ideal para quem quer desligar o computador às 18h, impreterivelmente. 

Cultive sua vontade de crescer

Startups, como dissemos, são empresas que crescem rápido. Consequentemente, quem está lá dentro também tem chance de crescer muito mais rápido do que seria possível em uma estrutura tradicional. 

Isso não significa que vá ser fácil, mas que é possível – desde que você se dedique e surpreenda na entrega resultados.

Portanto, alimente sua vontade de crescer e busque caminhos – honestos, é claro – para isso. Essa característica não costuma ser mal vista em startups. 

Faça um bom networking

Ampliar sua rede de contatos é sempre importante em um mercado tão dinâmico quanto o das startups. Você precisa se fazer conhecido e lembrado – não há outro caminho. 

É dessa forma que você vai ampliar as possibilidades de conseguir emprego e também crescer em uma startup.

Prepare-se para entrevistas e testes dinâmicos

O processo seletivo em startups pode ser diferente das empresas tradicionais. É possível que você tenha de fazer testes dinâmicos e também entrevistas, inclusive com os fundadores. 

Nesses primeiros contatos, prepare-se para responder muitas perguntas sobre você que não estão no currículo. É possível que perguntem sobre suas motivações pessoais, sobre o que gosta de aprender, como lida com pressão e incertezas, como trabalharia sem chefe. Além disso, claro, é bem possível que você tenha de falar tudo o que sabe sobre a empresa em questão – lembra da dica de estudar com antecedência? 😉

Quer trabalhar em startup? O momento é agora

Como são inovadoras, as startups costumam sobreviver – e crescer, inclusive – em períodos de crise. Por isso, ainda que o momento geral do país não esteja muito fácil, esta pode ser a melhor hora de ser contratado por uma startup. 

Confira aqui algumas das quase 90 vagas abertas da Stone, um dos unicórnios brasileiros.

Cadastre seu currículo no VAGAS.com.br e aproveite inúmeras oportunidades de emprego. Se você já tem um cadastro, atualize-o aqui.