Home > Oráculo > Você sabe entender os recados da vida?

Você sabe entender os recados da vida?

por Paula de Oliveira

De que maneira analisamos e conectamos os fatos de nossa história profissional? Na minha vida em particular, acredito que quando estou no caminho certo, os fatos se encadeiam de uma forma bem natural e quando a vida diz não, eu tento aprender e entender qual é o recado. Segue alguns exemplos:

Consegui um estágio na piscina de um congresso. Sorte, não sei, mas aconteceu! Estava no 4º ano de psicologia, a faculdade estava em greve e eu resolvi ir a um congresso da área em Ribeirão Preto. As palestras de um determinado dia não estavam muito interessantes e não eram focadas nas minhas áreas de interesse, decidi ir tomar um sol e dar um mergulho na piscina.

Foi então que eu conheci uma menina que também estudava na mesma faculdade que eu, e estava procurando uma pessoa do ano anterior ao dela para substitui-la em um projeto de clima organizacional na antiga Telesp celular.  Foi uma oportunidade incrível de aprender e de começar a atuar na área.

Com este episódio, comecei a perceber que arrumar emprego pode ser feito em qualquer lugar e que temos que ter em mente o que queremos, pois a oportunidade pode chegar a qualquer momento.

Nesta mesma época, eu havia participado de um processo seletivo no qual eu não passei. Sorte ou azar, não sei… Só sei que eu agradeci, depois, por não ter passado. Havia várias pessoas da minha sala da faculdade neste processo seletivo, porém, eu tinha certeza absoluta que havia passado. Imagina como fiquei frustrada quando liguei para obter a resposta e a moça me disse que eu havia sido preterida, nem aprovada, nem reprovada.

Como assim? Fiquei no cadastro da empresa, chorei muito. Seis meses depois me ligaram para convidar para uma outra vaga que havia sido aberta. Eu considerei mais adequado dar a resposta negativa pessoalmente e fui até o lugar. Quando cheguei lá, percebi que iria simplesmente atuar como arquivista e não como psicóloga. Sinceramente, agradeci que não havia sido aprovada.

Várias histórias como estas aconteceram, e sempre houve um fluxo da vida respondendo qual o caminho que devo seguir e qual eu não deveria e pode até parecer muito ingênuo, porém foi a forma  que encontrei de aceitar a realidade que muitas vezes, é bem dura e cruel, mas sempre me levou para frente.

Hoje, 20 anos depois de formada percebo que quando estou conectada comigo mesma e com o meu real desejo e sentido de realização, a vida conspira a favor para que eu realize no mundo tudo que me faz sentido.