Home > Carreira > Qualidade de vida > Como criar metas para 2021 que realmente sejam alcançáveis

Como criar metas para 2021 que realmente sejam alcançáveis

Veja como estabelecer planos realizáveis para terminar o próximo ciclo com uma lista completa de realizações
Blocos indicando mudança de 2020 para 2021.

Estabelecer metas para 2021 que sejam realizáveis é o primeiro passo para não se frustrar logo no início do ano. É muito saudável que possamos ver a vida em ciclos – e que um dos mais significativos seja exatamente o ano ou seus 365 dias. Nada como um réveillon para termos esperança de que o próximo ciclo será melhor que o anterior. É um convite à reflexão sobre o que se passou, erros e acertos, arrependimentos e alegrias, conquistas e frustrações. Os altos e baixos da vida. 

É hora, sim, de desejar, pedir, crer, projetar, mas não podemos esquecer que não existe almoço grátis. E que sorte é o resultado de preparo + oportunidade. 

Metas para 2021: seja SMART na definição dos seus objetivos

Fazer planos para o ano vindouro é desafiar-se, é sair por vontade própria da zona de conforto. Para crescer é preciso certa dose de sofrimento e muito esforço. Mas ninguém precisa ser muito exigente. Só precisamos, hoje, sermos melhores do que fomos ontem. Pouco a pouco, passo a passo, chegaremos lá. 

Existe uma metodologia que pode ajudar na elaboração das nossas metas – as metas SMART (do inglês “esperto”) Trata-se de um acrônimo indicando que uma meta, para ter maior chance de ser alcançada, deve atender aos seguintes critérios:

  • S (specific): deve ser específica;
  • M (measurable): mensurável;
  • A (achievable): alcançável;
  • R (Relevant): relevante;
  • T (time based): prazos definidos.

O que são metas atingíveis 

Vejamos a diferença entre essas as metas: 

  1. a) o verão está chegando, vou emagrecer
  2. b) vou emagrecer 5 quilos até janeiro

Qual tem maior probabilidade de ser alcançada? 

Emagrecer 5 quilos é específico e mensurável, e no meu caso, é também alcançável e relevante porque estou com sobrepeso. Confesso. 

Janeiro do próximo ano é uma data objetiva. Desse modo, posso ir acompanhando semanalmente os resultados das minhas ações para perda de peso e realizar os ajustes necessários (aumentar os exercícios, fechar mais a boca, trocar a dieta …).

Os itens A (alcançável) e R (relevante) talvez sejam os grandes responsáveis por nossas frustrações. Muitas vezes estabelecemos metas sobre as quais não temos influência ou gerência direta e ficamos na dependência de outros fatores que fogem ao nosso controle. Por exemplo, estipular como meta uma promoção no trabalho pode ser frustrante porque, para alcançar uma promoção, vários outros fatores se fazem necessários, começando pela existência da vaga, passando pela disponibilidade de orçamento, pelas competências dos nosso “concorrentes” e, por fim, pelo nosso empenho.

Tenhamos para os próximos ciclos metas relevantes e alcançáveis e sejamos criativos, pensando em metas também para relacionamentos, aprendizados, lazer. 

Que tal uma viagem? Ou aprender a tocar um instrumento? Quantos livros vai ler? Quantas pessoas quer conhecer? Que, no próximo ano, nossos desejosnos sirvam de inspiração e que não nos falte vontade para a ação.