Home > Carreira > Qualidade de vida > Home office com filhos: como facilitar essa combinação

Home office com filhos: como facilitar essa combinação

Você pode, sim, trabalhar em casa e ser produtivo organizando a rotina e estabelecendo algumas regras
Pai segura filho no colo enquanto trabalha em home office

Trabalhar em home office com os filhos é um desafio, mas você pode vencer essa batalha organizando a rotina e estabelecendo algumas regras para manter sua produtividade. 

Trabalhar enquanto as crianças estão em casa é um desafio, principalmente para quem ainda não está acostumado a fazer home office com filhos. São milhares de interrupções e preocupações por segundo que podem tornar o ambiente um caos. 

Mas há formas de se organizar e manter a produtividade mesmo quando os pequenos estiverem de férias ou em casa por algum motivo. Quer saber mais? Continue conosco!

Como organizar o home office com filhos

Para você conseguir dar conta de tudo, listamos uma série de dicas para criar regras e organizar a bagunça. Vamos lá? 

1. Tenha uma conversa séria com as crianças

A primeira coisa a fazer para que o home office com crianças funcione é ter uma conversa séria com os pequenos, principalmente se forem maiores de cinco anos. 

Explique seu trabalho, mostre a importância do seu espaço e tempo para dedicar à profissão.

2. Combine uma sinalização 

Se você costuma fazer reuniões online ou precisa de foco intenso em determinados horários, uma boa ideia é combinar um “sinal” para a criança saber que não pode interromper naquele momento. 

Esse sinal pode ser uma porta fechada, o uso de fones de ouvido ou mesmo uma placa de “não interrompa”.

3. Esclareça que tipo de situação pode ser uma emergência

Vale explicar que se for uma emergência o “sinal” pode ser desrespeitado. Mas para isso funcionar, é importante explicar exatamente o que pode ser considerado uma emergência. 

Por exemplo, quebrar a ponta de lápis não é emergência, mas cair e se machucar é.  

4. Mantenha horários e rotinas no home office com filhos

Uma dica muito repetida por psicólogos e pedagogos é criar uma rotina para a casa. Estabeleça horários para comer, ver TV e usar aparelhos eletrônicos em geral.

5. Dê autonomia para atividades da escola

Essa dica vale especialmente para quem tem filhos com mais de 8 ou 9 anos, que já conseguem começar a fazer a lição de casa sozinhos. Vale muito a pena investir um tempo para explicar como, onde e em qual horário fazer isso. 

Você não só ensinará aos filhos como ter independência e proatividade, como ajudará a estabelecer hábitos de estudos.

7. Organize os estudos com as crianças

Se a criança ainda não conseguir fazer a lição sozinha, você pode organizar um horário para acompanhá-la na atividade. Antes ou depois do almoço, por exemplo. 

8. Concentre reuniões no período da escola

Se as crianças vão para a escola em período parcial, o melhor dos mundos é concentrar suas reuniões enquanto elas estiverem fora de casa. Claro que nem tudo depende de você, mas quando puder escolher os horários, tenha isso em mente.

Quando não for possível, as dicas anteriores ajudarão a conciliar as reuniões com a presença dos mais jovens na casa.

9. Reserve um horário para brincadeiras ou jogos

É importante colocar alguma diversão na rotina. Combine algum tempo para vocês fazerem atividades juntos, nem que sejam 15 ou 30 minutos. 

Quando as crianças sabem que você terá um tempo reservado para elas, tendem a ficar menos ansiosas e fazer menos interrupções quando você precisa se concentrar no trabalho.

10. Convide para ajudar nas tarefas da casa

Se você além de trabalhar e cuidar das crianças também tem que cozinhar ou fazer arrumações, pode convidar o pequeno ou a pequena para ajudar. Vocês podem se divertir juntos (e aliviar o estresse!). 

11. Aproveite os horários de sono

Quem tem filhos pequenos, que ainda dormem durante o dia, também pode aproveitar trabalhar nesses intervalos. Vale a pena, por exemplo, acordar mais cedo e ser produtivo antes deles saírem da cama.

12. Não se cobre demais

Se você está começando agora no home office, pode saber que muita coisa vai dar errado — a internet vai cair, o computador vai travar e, se chover demais, é capaz de faltar eletricidade. E tudo bem!

Tudo bem inclusive se às vezes você precisar parar, fechar a porta do quarto (ou do banheiro) e apenas respirar para recuperar a calma. Acontece e, acredite, a tendência é melhorar.

A gente vai se adaptando e descobrindo o melhor horário para ser produtivo, para marcar reuniões, para responder e-mails. Cozinhar vai ficando mais fácil e as crianças também vão entrando no esquema da casa.

Ainda enfrenta outros desafios no trabalho remoto? Continue aprendendo a melhorar a qualidade de vida durante o trabalho com essas dicas para se manter produtivo em home office!


Gostou do artigo? Você também pode se interessar por Home office e coronavírus: como lidar?