Home > Dicas > Entre no emprego novo com o pé direito

Entre no emprego novo com o pé direito

Nos primeiros dias, ouça e observe antes de começar a sugerir mudanças

por Fernanda Bottoni

Para quem está se preparando para começar um emprego novo e quer fazer isso da melhor forma, alguns cuidados são indispensáveis. Quem afirma é Gabriel Toschi, especialista em transição de carreira. “Costumamos dizer que os primeiros 90 dias são determinantes para a adaptação do profissional ao novo ambiente”, afirma.

Para isso, o primeiro cuidado que deve ser tomado é o de ouvir e observar – muito mais do que falar –, pelo menos durante as primeiras semanas. “Pense que você está se ambientando e apenas começando a conhecer os chefes, os pares e os subordinados”, diz ele.

Outro ponto é tentar entender a dinâmica do ambiente. Isso significa observar detalhadamente como funcionam as relações, como as pessoas costumam se portar, como elas se vestem, como falam umas com as outras neste emprego novo.

Sugestões no emprego novo

Durante essa observação, é bem possível que você descubra um ou outro ponto que pode ser melhorado, mas a dica de Toschi é guardar suas opiniões para outra ocasião. “Nesse momento, qualquer sugestão de mudança ou crítica que você fizer pode gerar desconforto, pois ninguém conhece muito bem o seu trabalho e nem as suas intenções”, afirma.

Também é comum que, especialmente no primeiro ou segundo dia, você se sinta meio perdido no horário das refeições. Novamente, a dica é ficar na sua até que alguém faça o convite para o almoço. “Isso é esperado da equipe que recebe um novo profissional e deve ocorrer de forma natural”, diz o especialista. Se não ocorrer, o mais recomendado é fazer isso sozinho e simplesmente não invadir o espaço dos colegas.

Novos horários

Outro cuidado que você precisa tomar é o de observar os hábitos dos colegas em relação aos horários. “Algumas empresas oferecem flexibilidade, outras não”, diz Toschi. O ideal é se encaixar na cultura deste emprego novo. Se não for possível – porque você estuda à noite ou precisa pegar o filho na escola, por exemplo – é melhor conversar sobre isso com a equipe e checar se há algum tipo de problema. “As regras do escritório, que não estão descritas em lugar algum, são muitas vezes mais importantes do que qualquer manual de boas práticas.”

Tomar partido

Por fim, um ponto essencial para não ter problemas logo de cara é não tomar partido de ninguém e nem fazer comentários sobre qualquer profissional ou qualquer atitude que alguém tenha tomado, mesmo que você não esteja de acordo. Lembre-se de que nem sempre as relações entre as pessoas são muito claras em um primeiro momento e, até que você de fato conheça as pessoas e o ambiente em que trabalha, terá muitas surpresas pelo caminho.

Cadastre seu currículo no VAGAS.com.br e aproveite inúmeras oportunidades de emprego. Se você já tem um cadastro, atualize-o aqui.