Home > Dicas > Como se dar bem na promoção de cargo?

Como se dar bem na promoção de cargo?

Confira sete passos para você entrar com o pé direito

por Guilherme Françoso*

Após anos investindo em desenvolvimento profissional, trabalhando duro e alguns “sapos engolidos” você finalmente recebe a promoção! Você está feliz, mas também está ansioso e um pouco inseguro porque não tem a menor ideia de como ser líder.

Tudo isso é normal. Afinal, essa fase da carreira tem uma influência muito grande sobre o desenvolvimento porque é nela que habilidades e comportamentos serão construídos. Segundo Ram Charan, aliás, o primeiro cargo gerencial é uma das experiências mais relevantes para a construção das bases do perfil dos profissionais como gestores. 

Ter bons resultados como gestor exige do profissional uma grande mudança para a qual a maioria não está preparada. Novos gestores podem até reconhecer essa transição na teoria, mas raramente compreendem, de fato, suas responsabilidades ao assumir o papel novo. A grande maioria leva mais tempo do que o apropriado para perceber que não pode mais continuar a se comportar como um colaborador vidual, competindo com seus subordinados diretos.

Isso acaba acontecendo porque esses profissionais recém promovidos, em sua maioria excelentes técnicos na realização de uma determinada tarefa, pela primeira vez terão que gerenciar outras pessoas e um conjunto de tarefas. Ou seja, esse profissional precisa perceber que deve agora abrir mão das atividades que lhe valeram uma promoção. Quer uma ajuda? Confira estas dicas.

O que fazer na promoção profissional?

1. Seja humilde

Ok. Você chegou por mérito e desempenho, mas você era fera no que fazia. Na nova posição você é apenas um aprendiz. Tenha humildade para reconhecer que está em um momento de passagem e, portanto, precisa aprender novas habilidades para dar conta do recado.

2. Ouça seus pares e subordinados

Muita gente assume um desafio novo e se acha o dono da razão em uma promoção. Acha que só ele sabe fazer bem determinada tarefa. Lembre-se que no papel de gestor um dos maiores desafios é delegar responsabilidades. Líderes centralizadores tendem a se sobrecarregar e prejudicar seu desempenho, pois tem dificuldade em delegar, não são claros e podem perder confiança e credibilidade.

3. Cuide do networking

Por mais fora da curva que você seja, um profissional não chega a lugar algum sozinho. A habilidade de criar e manter relacionamentos profissionais é essencial para quem quer desenvolver uma carreira de sucesso.

4. Saiba dizer “não”

Aceitar tudo que te pedem para agradar seus superiores pode ser um caminho perigoso. Principalmente para trabalhos com os quais não está familiarizado.

5. Organize-se

O único recurso que é impossível de ser incrementado é o tempo. Executivos que são incapazes de gerenciar sua agenda para dar conta dos seus objetivos apresentam uma falha comum que leva não somente ao trabalho extra, como também a um profundo desgaste físico e emocional.

6. Administre a pressão

Quanto mais se sobe na pirâmide organizacional, maior é a pressão por metas e resultados. E maior é a sua responsabilidade. Assim, repassar essa pressão sem qualquer filtro para sua equipe é sinal de despreparo e inabilidade na gestão de pessoas.

7. Mantenha o desenvolvimento

Não deixe de continuar buscando desenvolvimento pessoal e profissional após a promoção, mas sempre alinhado aos seus objetivos de carreira. Cursos formais aumentam seu conhecimento, agregam novas informações e melhoram seu networking.

 

Cadastre seu currículo no VAGAS.com.br e aproveite inúmeras oportunidades de emprego. Se você já tem um cadastro, atualize-o aqui.

 

*Guilherme atua há mais de 15 anos na área de Recursos Humanos.