Home > Dicas > As áreas que mais buscam jovem aprendiz

As áreas que mais buscam jovem aprendiz

Indústrias e grandes redes de comércio são segmentos que mais contratam

por Fernanda Bottoni

Segundo Rafael Oliveira, coordenador de filial do Centro de Desenvolvimento Profissional (Cedep), os três primeiros meses do ano são aquecidos para a contratação de jovem aprendiz.

De acordo com ele, os dois segmentos que mais contratam jovem aprendiz atualmente são Indústria e Varejo. “Empresas de médio e grande porte são obrigadas a ter entre 5% e 15% da mão de obra composta por aprendizes”. Entre elas, as grandes empresas de vendas costumam ser o berço das oportunidades que esses jovens encontram. “Elas têm plano de carreira para eles”, afirma Rafael.

“Em uma rede de supermercados, por exemplo, o jovem aprendiz entra no posto inicial etiquetando ou embalando produtos, depois vai para a área administrativa conhecer o funcionamento da empresa, para finanças aprender contabilidade etc”, explica.

Dicas para o jovem aprendiz

Para quem está em busca do primeiro emprego, a recomendação do especialista é demonstrar interesse em começar a trabalhar. “Nenhum tipo de experiência prévia deve ser exigido dos candidatos a vagas de jovem aprendiz, mas as empresas esperam que tenham muita energia para empenhar nas tarefas propostas”, afirma.

Rafael faz uma alusão ao futebol ao dizer que, hoje em dia, não basta o jovem vestir a camisa da empresa apenas nas finais, é preciso que ele tenha essa postura também nos amistosos. Ou seja, não adianta querer fazer bonito só quando o gestor estiver olhando ou em uma reunião com gente importante. “É preciso incorporar essa forma de ser na rotina corporativa”, afirma.

Habilidades e conhecimentos

Também é importante demonstrar aptidão para trabalhar em equipe e ouvir – mais do que falar. “Saber escutar e respeitar os gestores é um sinal importante de maturidade”, ressalta.

Essa habilidade é observada desde o processo seletivo, especialmente nas dinâmicas de grupo, em que a capacidade de o candidato trabalhar com os colegas vale ouro. “Os recrutadores percebem se quer atropelar o grupo ou está indiferente porque foi obrigado pelos pais a procurar uma vaga”, afirma.

Além dessas características, a parte de conteúdo do processo seletivo testa os conhecimentos gerais dos candidatos, além do seu domínio da língua portuguesa e da matemática, especialmente o raciocínio lógico. Está preparado? 😉

Cadastre seu currículo e aproveite as oportunidades para jovem aprendiz. Se você já tem um cadastro, atualize aqui.