Home > Carreira > Evolução profissional > Aprenda a dar feedback construtivo no trabalho

Aprenda a dar feedback construtivo no trabalho

Veja como uma conversa bem estruturada pode ajudar um profissional a se desenvolver

Quem quer ser um bom líder precisa saber como dar feedback construtivo para colaboradores, colegas e até superiores, se for o caso. Afinal, é a partir dessa conversa que os profissional sabem como está seu desempenho e entendem o que pode ser melhorado em relação às suas atitudes, seu conhecimento e suas competências.

Um feedback mal conduzido, porém, pode gerar o efeito inverso, fazendo com que a pessoa se sinta atacada, magoada e desmotivada. 

Passo a passo para dar feedback construtivo

A capacidade de ajudar sua equipe a se desenvolver é uma das competências mais valorizadas entre gestores de todas as áreas e o feedback é uma das principais ferramentas para fazer isso acontecer.

Confira a seguir como você pode estruturar essa conversa para que ela alcance os resultados que você espera. 

1. Tenha uma conversa particular

Sabe aquela velha máxima do “elogie em público, mas critique em particular”? Ela é perfeita para o feedback, seja ele formal ou informal. O primeiro passo para dar um feedback construtivo é escolher um local reservado para conversar sem que haja interrupção.

Se o colaborador, o colega ou o chefe pedir o feedback, você não precisa atender imediatamente. É melhor se preparar e fazer isso com calma.

2. Comece com o que vai bem

Para quebrar o gelo da conversa, você pode começar citando o que está funcionando, os pontos que a pessoa desenvolveu bem e que podem ser elogiados.

Claro que a conversa também deve indicar os pontos que ela precisa melhorar, mas, para passar de um ponto a outro, a dica é não utilizar a conjunção “mas”, que pode simplesmente anular qualquer coisa positiva que você tenha dito antes.

Por exemplo: “Você se comunica bem comigo, mas poderia tentar ser mais claro com os colegas…”. Outra forma de dizer isso é: “Você se comunica bem comigo e acho que pode se comunicar melhor com os colegas se conseguir ser mais claro”. Percebe a diferença?

3. Foque no que pode ser melhorado

A intenção do feedback é indicar um caminho para o profissional melhorar o que precisa ser melhorado. Não é destruir a sua autoconfiança. Por isso, durante a conversa, concentre-se no comportamento que ele tem e não nas suas características pessoais.

Se ele costuma atrasar as entregas, por exemplo, não é o caso de dizer que ele é irresponsável com prazos, mas de relatar o que aconteceu quando ele atrasou um relatório. O que isso gerou no fluxo de trabalho? Que consequências negativas esse atraso desencadeou para toda a equipe? 

4. Use exemplos reais

Para deixar o feedback construtivo e objetivo é muito importante usar exemplos reais que vocês vivenciaram. Se for o caso, na hora de se preparar para a conversa, anote um ou dois exemplos de atitudes que incomodam você ou prejudicam o resultado da equipe como um todo. São esses exemplos que devem ser lembrados e discutidos.

Por exemplo, se ele não enviou determinado relatório e, por isso, você precisou adiar uma reunião importante, diga isso e peça para avisar com antecedência se tiver algum problema parecido no futuro. Dessa forma, é mais provável que ele entenda o que deve ser feito e não leve a crítica para o lado pessoal. 

5. Demonstre respeito pelo outro

Nenhum profissional gosta de ser criticado, mas a forma como isso ocorre define como ele vai se sentir e como vai reagir diante da crítica. Para dar um feedback construtivo, escolha bem as palavras e imagine como você se sentiria ao ouvir aquilo se estivesse no lugar dele.

Procure não rotular a pessoa dizendo que ela é isso ou aquilo. Evite dizer “você é” ou “você sempre” ou “você nunca”. O melhor, novamente, é citar exemplos reais dizendo que você notou, você observou etc.

6. Coloque-se à disposição para ajudar

No final da conversa, é importante que você se coloque à disposição para ajudar no que for preciso e também para tirar dúvidas em relação ao que foi conversado.

Veja se ele quer perguntar alguma coisa e, se for o caso, seja paciente nas respostas. Quanto mais a pessoa que recebe o feedback compreender a mensagem, melhor para todos.

 Cadastre seu currículo no VAGAS.com.br e aproveite inúmeras oportunidades de emprego. Se você já tem um cadastro, atualize-o aqui.