Home > Carreiras > Administração > Gestão Financeira, área de destaque na crise

Gestão Financeira, área de destaque na crise

Dicas sobre o dia a dia da carreira e de como seguir nela

por Marcus Lopes

A gestão financeira de uma empresa é a área específica da administração que lida com o planejamento, organização, captação e aplicação correta dos recursos financeiros da organização. Em tempos de crise econômica, o profissional desta área é bastante requisitado.

O curso de Gestão Financeira

A formação acadêmica em gestão financeira é oferecida em cursos de graduação tecnológica, extensão ou pós-graduação. Trata-se de uma complementação interessante para quem cursa ou cursou administração de empresas, por exemplo.

“O curso é de formação específica para a área financeira. Os alunos geralmente já têm alguma experiência no mercado de trabalho. Os estudantes do noturno, principalmente, possuem uma média de idade mais avançada, sendo jovens adultos que não tiveram a oportunidade de cursar a faculdade logo depois do ensino médio”, explica Henry Kupty, coordenador do curso de graduação em Gestão Financeira do Complexo Educacional FMU.

O profissional

Os profissionais podem trabalhar em empresas, instituições financeiras, acadêmicas ou prestar consultoria independente. A grade curricular é concentrada em disciplinas voltadas para a área, como matemática financeira, finanças, mercado de capitais, tributos e gestão financeira.

“Em geral, o setor financeiro é central em qualquer instituição. Assim temos muitos alunos que operam na área de finanças de diversas empresas, mas também especificamente em bancos ou corretoras”, explica Kupty.

Segundo o coordenador da FMU, o profissional em gestão financeira é essencial para o mercado, em especial quando o cenário macroeconômico não é animador, como agora.

“Uma boa gestão financeira mostra quais empresas estão mais sólidas no mercado; em quais indicadores melhorar; quais ativos são de maior ou menor risco; onde aplicar e onde investir, entre outros. Assim sendo, uma boa gestão financeira pode sobreviver melhor a tempos de crise, tornando-se assim uma verdadeira vantagem competitiva”, diz Henry.

O mercado de trabalho

O mercado de trabalho, segundo ele, se aqueceu nos últimos anos. “O gestor financeiro sempre tem uma boa colocação. O desenvolvimento do mercado de capitais é uma realidade, o que abre oportunidades na gestão de carteiras. O segmento de finanças pessoais é promissor”.

Na medida em que mais empresas se preocupam com uma boa gestão, algumas inclusive abrindo capital em bolsa, surgem oportunidades para gestores que são capacitados para ler balanços, fazer planejamento e organizar as informações financeiras das empresas.

A carreira tem atraído estudantes em busca de uma boa colocação. “Escolhi esta graduação porque é rápida, objetiva e de qualidade. Já trabalho na área e a graduação me abriu as portas e ajudou muito em minha ascensão profissional”, diz Karyne Martins Araújo, 26 anos, aluna do quarto semestre da graduação tecnológica em Gestão Financeira da FMU.

Confira mais informações sobre a carreira do gestor financeiro no Mapa VAGAS de Carreiras.