Home > Carreiras > Administração > Administração de empresas: como dar um gás na carreira

Administração de empresas: como dar um gás na carreira

Tatiana Dalben Munhoz, de 35 anos, é administradora de empresas pós-graduada em Negócios do Petróleo, Gás e Biocombustíveis. Esta é sua paixão. Formada pela PUC-SP, ela começou a carreira como estagiária da Alcoa Alumínio, onde atuava na área comercial. “Fui efetivada um ano e meio após o início do estágio”, conta.

Ainda no estágio, Tatiana percebeu que era necessário buscar conhecimento técnico sobre os produtos. “Eu precisava conhecer detalhes a respeito de telhas de alumínio e cálculo do número exato de telhas para construção do telhado de casas, galpões etc.” Mesmo sabendo que essa parte técnica não era o seu forte, ela se dedicou até conseguir segurança para fazer cálculos e explicar com propriedade todos os detalhes aos clientes.

De analista comercial da divisão de laminados da Alcoa, ela passou à consultora financeira da RC Invest até ser contratada pela Informa Group, onde deu uma guinada na carreira e se tornou gerente da divisão de Energia e Infraestrutura. “Fiquei lá por oito anos com foco na produção de conteúdo para conferências”, conta. Nessa época, Tatiana já era pós-graduada em Gestão de Marketing Global pela Faap, mas, por conta da nova atividade, passou a ser aluna ouvinte do Programa Interunidades de Pós-Graduação em Energia no Instituto de Energia e Eletrotécnica da USP.

“O módulo Energia, Meio Ambiente e Desenvolvimento era ministrado pelo professor José Goldemberg, um grande mestre conhecido internacionalmente, um profissional ímpar que admiro muito”, diz. Ela só não cursou outros módulos porque isso exigiria mais ausências do trabalho. “Parti para outra pós, agora em Negócios do Petróleo, Gás e Biocombustíveis na FIA.”

Para ela, ter estudado Administração de Empresas foi fundamental para se tornar uma profissional articulada e envolvida com diversos processos dentro de uma empresa. “No entanto, de acordo com as atividades que você exerce ao longo da carreira, é importante buscar outros caminhos para complementar sua formação”, alerta.

Tatiana acredita que o melhor da sua profissão seja fazer relacionamento com o mercado, o que considera muito gratificante. E se há um lado que não seja tão bacana, ela garante — com sinceridade — que desconhece. “Adoro a minha profissão! Não sei dizer qual é sua parte chata, não.”

Dicas de carreira de Tatiana

  • É preciso estudar sempre e estar aberto a novas especializações, mantendo a atenção em mercados que estão em alta como infraestrutura, mineração e energia.
  • Aos jovens que têm interesse em carreiras técnicas, recomendo investir no conhecimento da área de petróleo e gás. Faltam tantos profissionais qualificados!
  • Cursos rápidos, eventos de networking, participações em associações de classe também são imprescindíveis.
  • Sobre a postura, reforço a importância do relacionamento interpessoal, com pares, superiores, subordinados, clientes internos e externos. O relacionamento com o mercado é fundamental para uma carreira sólida.