Home > Acontece > Acontece no Mercado > Cursos gratuitos que vão alavancar a sua carreira

Cursos gratuitos que vão alavancar a sua carreira

Candidato deve ter até 21 anos e ser aluno ou ex-aluno da rede pública

por Fernanda Bottoni

Que tal se preparar para o mercado de trabalho com cursos gratuitos de seis meses feitos sob medida para quem quer seguir carreiras na área de tecnologia? A Casa Taiguara de Cultura Digital, que fica na Praça da República, região central de São Paulo, é um projeto que atua na formação técnica digital de jovens estudantes de escolas públicas e oferece cursos livres de web design, arte digital e editoração gráfica, programação básica, informática básica, produção audiovisual, modelagem 3D, AdWords, game design e game tester.

Ministrados por professores atuantes no mercado de trabalho, os cursos são bem práticos e têm carga horária de 48 a 64 horas e quatro meses de duração. São 100% gratuitos e financiados com recursos do Fumcad (Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente). Tem mais. Segundo Renee Amorim, responsável pelo desenvolvimento institucional e idealizador da Casa Taiguara de Cultura Digital, seis dos nove cursos já têm metodologia de gamification. “Só AdWords, produção audiovisual e web design ainda não têm, mas devem ter em breve”, diz ele.

Disputa acirrada por vagas
A disputa por vagas, claro, não é fácil. Só no primeiro semestre de 2014 foram recebidas 3.014 inscrições para as 160 vagas nos 10 cursos que foram oferecidos. Os candidatos passam primeiramente por uma prova de 30 questões divididas entre português, matemática, lógica e específicos. Depois, os trinta primeiros colocados de cada curso são chamados para uma entrevista com o professor.

Na entrevista, são verificadas questões como interesse e conhecimento do candidato pelo assunto do curso, conhecimento do horário das aulas, adequação ao mercado de trabalho etc. “Observamos, por exemplo, se ele entende que aquilo é uma entrevista, se vai aparecer de chinelo e bermuda ou vestir um jeans com camisa de botão, sabe?”, diz Amorim. “Se ele quer o curso de game, por exemplo, precisamos saber se ele joga, se conhece os jogos, se vai ao Anima Mundi.”

Dos trinta entrevistados, 16 são selecionados para o curso. E, para completar, no final, os melhores alunos recebem assessoria da Casa Taiguara de Cultura Digital para ingresso no mercado de trabalho. Para se candidatar a uma vaga é preciso ter entre 14 e 21 anos e ter feito ou estar cursando Ensino Médio em escola pública. As próximas datas de inscrição ainda não foram divulgadas. Para saber mais, acompanhe a Casa Taiguara de Cultura Digital no Facebook.