Home > Acontece > Acontece na VAGAS > Elas exercem a melhor profissão do mundo: ser mãe

Elas exercem a melhor profissão do mundo: ser mãe

Mães da VAGAS.com compartilham a experiência de cuidar dos filhos e da carreira ao mesmo tempo

Imagina ser responsável por projetos de longo prazo, não ter horário fixo e muito menos remuneração. Parece um trabalho impossível? Só que não. Esta é, na prática, a descrição sucinta do que as mães fazem pelos filhos.

Aqui, na VAGAS.com, temos diversas mães e algumas futuras mães e sabemos o quanto elas sempre têm de estar a postos para enfrentar desafios e imprevistos, papel que não deixariam de lado por nada neste mundo. Sabemos o quanto isso dá trabalho, mas também o quanto é gratificante.

Por isso, hoje a nossa homenagem vai para essas mulheres que batalham aqui todos os dias – e também em casa, diariamente – e ainda assim têm um tempo para compartilhar um pouco do sentimento de ser mãe e do que isso representa para elas. Confira!

O que é ser mãe para você?

 

“Mãe é o nome mais bonito que eu já tive.”

Fabíola Melo, 36 anos, Marketing de Produto e mãe do Lucas

 

“Ser mãe é descobrir que você é muito mais do que sempre imaginou ser.”

“É ser pai, professor, médico, é ter super poderes e desempenhar estes papéis de forma tão orgânica que nem percebe que o faz. De fato, é ter seu coração batendo do lado de fora!”

Luciana Nascimento, 38 anos, Gerente de Relacionamento e mãe do Rodrigo

 

“Ser mãe é ter jornada dupla, sim!”

“É não dormir à noite e ter que ir trabalhar cedinho, sim! É chegar em casa depois do trabalho e ter mil coisas para fazer, sim! É se sentir a pessoa mais realizada e amada do mundo, sim! O trabalho de ser mãe e a carreira profissional têm que seguir juntos de forma harmônica, onde a importância das tarefas seja equilibrada e a realização profissional seja tão gratificante quanto ser mãe. Ser mãe não deve ser considerado um empecilho para a ascensão profissional, ser mãe é motivo de orgulho e gratidão.”

Marina Peliello, 30 anos, PO do CRM e mãe do Lucca

 

“Dificil descrever o sentido de ser mãe, é um presente, é uma responsabilidade, é um aprendizado, é amor verdadeiro além da vida…”

“O maior presente que ganhei foi descobrir o poder do amor de uma mãe, é poderoso, é puro! Aprendo todos os dias com minhas filhas, aprendo que a alegria está nos detalhes, aprendo com a ingenuidade delas, com a pureza do coração de criança que ainda não perdeu a esperança. Conciliar é difícil, mas criei uma relação de parceria onde elas me ajudam a cuidar delas..rs Educo para serem independentes e responsáveis e está dando certo, são minhas companheiras! A foto da Marianne que mais amo é esta de alguns anos atrás, brincando com as bolhas de sabão. Ela tem este espirito brincalhão, representa bem o seu estado de humor… A foto com a Bel é recente, minha favorita porque estamos bem parecidas… Mãe é um ser que deveria ser estudado… É muito amor para uma pessoa só!”

Janice Oliveira, 36 anos, trabalha no Financeiro e é mãe da Bel e da Marianne

“Ser mãe é aprender a se multiplicar para atender todas as necessidades dos filhos!!”

Daniela Spinola, 37 anos, trabalha na área Suporte às Empresas e é mãe da Manuela

 

 

“Quando me tornei mãe, conheci um amor que jamais acreditei que existisse no mundo.”

“Eu me tornei ainda muito mais grata por tudo que a minha mãe fez por mim, porque aprendi a reconhecer coisas que pareciam pequenas no dia a dia.”

Juliana Gomes, 33 anos, trabalha na área de Publicidade e é mãe da Ana Luiza

 

“Como mãe, aprendi que a Lei de Murphy deve sempre ser considerada no planejamento diário >.<…”

Fabiana Sayuri, 36 anos, trabalha na área de Endomarketing e é mãe da Júlia

 

“Se eu dissesse que não sei como seria a minha vida sem ela, eu estaria mentindo.”

“Eu dormiria uma noite inteira, comeria o que quisesse, beberia o que e quando quisesse, sairia quando quisesse e sem me preocupar com hora pra voltar, trabalharia até altas horas sem pensar que ela está me esperando e que se eu demorar muito pra voltar pra casa não a vejo acordada, entre muitas outras coisas. Mas nada disso supera o brilho do seu sorriso, o seu “mãããe, …(palavras ainda indecifráveis rs), todas as manhãs.”

Meren Fischer, 36 anos, trabalha na área Comercial e é mãe da Clara

 

Feliz Dia das Mães!